FPW: Fórum de Pro Wrestling



O FPW, Fórum de Pro Wrestling, é uma comunidade com mais de oito anos constituída por centenas de users cujo o assunto que os liga é o wrestling! Temos os últimos shows, PPV's, passatempos, debates, votações, e ainda uma vasta zona multimédia. Para teres acesso a tudo isto, só necessitas de te registar! Junta-te a nós.

[FM 2017] Quebrar o jejum v2

Página 2 de 13 Anterior  1, 2, 3, ... 11, 12, 13  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: [FM 2017] Quebrar o jejum v2

Mensagem por Mithrandir em Sab Dez 31 2016, 15:18

Enquanto estiveres à frente do Benfica tens o lugar seguro. Foi pena o primeiro empate, mas de resto estás a safar-te bem, embora tivesses obrigação de ganhar os dois jogos tranquilamente - o que não aconteceu com o Chaves.

Descrições estão giras, vou acompanhar. Bj e boa sorte
avatar
Mithrandir
WWE Superstar

Masculino Número de Mensagens : 17852
Idade : 92
Localização : Mordor
Emprego/lazer : Hater
Data de inscrição : 27/12/2013

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FM 2017] Quebrar o jejum v2

Mensagem por Rafa em Seg Jan 02 2017, 16:12


Setembro de 2016:


Começamos o mês de setembro com um jogo caseiro frente ao Marítimo. Poupei alguns jogadores nucleares, como William e Adrien, para o jogo com o PSG mas a equipa fez uma primeira parte bastante positiva. O golo só veio a surgir perto do intervalo, por Markovic. Não estivemos tão bem na segunda parte e acabamos mesmo a sofrer o golo da praxe. Quando já poucas esperanças havia na vitória, e já com as principais estrelas em campo, Adrien deu-nos a vitória, com um golo de penalty. Esta vitória permite-nos, mais do que acreditar no título, voltar a acreditar na arbitragem portuguesa, tal como indicou Bruno de Carvalho na sua página pessoal do facebook, logo após o jogo.

Seguiu-se a estreia na Champions League e a história que tenho para contar não é bonita. Cavani deu cabo de nós. Marcou logo no primeiro minuto e marcou mais três na segunda parte, quando já jogávamos com dois avançados. Perdido por um, perdido por 1000. Ben Arfa também fez o gosto ao pé. Foi giro levar cinco. No meu grupo, estão ainda o Nápoles e o Croácia Zagreb. Os italianos venceram por 2-1, na primeira jornada do grupo.

O que também foi giro, principalmente para os adeptos rivais, foi o que aconteceu em Alvalade, contra o Feirense. Diga-se que, no dia antes do jogo, reparei que a equipa estava toda rota. Fui à zona de treinos e nunca tinha dado uma folga ao plantel, no dia após os jogos (coisas da pré-época). Era presságio para o que aí vinha. Num jogo aparentemente acessível, acabamos por levar três batatas do Platiny. Levar três do Feirense, em casa, não é para qualquer um. Acredito que tenha feito história.

Depois do cabaz contra o poderosíssimo Feirense, recebemos o Porto em igualdade pontual com o nosso rival. O jogo foi sempre bastante dividido mas o nosso rival ficou com a sorte do jogo. Aos 63 minutos, Brahimi marcou para o lado deles. Fiz algumas mexidas táticas, coloquei a equipa em 4-3-3 e passamos a estar por cima do jogo. Aos 82 minutos, beneficiamos de um penalty mas Adrien falhou. Está linda a minha vida.



Isto está uma autêntica desgraça. Duas derrotas consecutivas, uma delas completamente imperdoável, deixam-nos num fabuloso 6º lugar. O que nos vale é que os nossos rivais também não são grande coisa e a lampionagem continua atrás de nós. Não atino com o sistema tático e lá terei de fazer novas mudanças para dar a volta por cima. Não estamos fracos, estamos muito fracos.
avatar
Rafa
Moderador
Moderador

Masculino Número de Mensagens : 27385
Idade : 23
Localização : Viana do Castelo
Emprego/lazer : Stunned!
Data de inscrição : 28/12/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FM 2017] Quebrar o jejum v2

Mensagem por Dr. Eira em Seg Jan 02 2017, 16:29

Bela sequência de derrotas, essa com o Feirense não se admite. Ainda assim estas apenas a 3 pontos da liderança, podes recuperar.
avatar
Dr. Eira
FPW Hall Of Famer
FPW Hall Of Famer

Masculino Número de Mensagens : 32650
Idade : 25
Localização : Barcelos
Emprego/lazer : Otaku
Data de inscrição : 23/12/2008

http://fpwrestling.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FM 2017] Quebrar o jejum v2

Mensagem por Rafa em Ter Jan 03 2017, 18:59


Setembro-Outubro de 2016:


Depois de três derrotas seguidas, o Nápoles não era o adversário que mais receber em Alvalade. As coisas começaram logo mal, com um golo de Milik, aos seis minutos. A partir daí, o jogo seguiu dividido e, na segunda parte, conseguimos empatar com um golo de Castaignos, que substituiu Bas Dost, pouco antes. Diga-se que o habitual titular não tem feito rigorosamente nada e Castaignos sacou-lhe a titularidade só com este golo. Infelizmente, não chegou e Milik acabaria por bisar. Duas derrotas em dois jogos na Champions e esta era a quarta derrota consecutiva. A moral dos jogadores estava terrível.

Contra o Estoril, tentei simplificar e reorganizei a equipa em 4-3-3. Mais uma vez, começamos mal e sofremos aos oito minutos. Aos 17, Castaignos empatou o encontro e parecia que íamos arrancar para o regresso às vitórias. Era só jajão. Não jogamos nada e, se perdêssemos, não teria sido chocante. Caímos para o oitavo lugar.

Para a Taça de Portugal, mal seria se não vencêssemos o Cinfães. Rodei a equipa e construí o resultado na primeira parte. André, de penalty, Alan Ruiz e Markovic foram os marcadores dos nossos golos, que não tiveram resposta.

Voltavam os jogos a sério. Seguiu-se o Croácia Zagreb e era obrigatório ganhar para continuarmos a sonhar com o apuramento para os oitavos-de-final. Mantive a equipa em 4-3-3, com Bas Dost a titular (perdi Castaignos e André por lesão) mas baixei o nosso ritmo de jogo, que fazia com que tudo fosse feito às três marteladas, dei instruções diferentes aos meus laterais, priorizei o passe curto e a exploração do corredor central. Mas um gajo desmotiva quando sofre dois golos nos primeiros cinco minutos do jogo. Contudo, a equipa respondeu bem e partiu para a melhor exibição da época. Reduzimos aos 33 minutos com o auto-golo e o empate chegaria no segundo tempo, com um livre de Jefferson. Infelizmente, não foi suficiente e apesar de termos feito 28 remates (10 à baliza), não fomos para além do empate. Ainda assim, fiquei contente com o desempenho dos meus jogadores.

Hora de depenar as águias. Já estávamos atrás delas e perder na Luz poderia correr mal para o meu lado. Mantive a abordagem do jogo frente ao Croácia Zagreb e vergamos completamente o nosso rival. O golo chegou, naturalmente, aos 36 minutos por Bryan Ruiz. Porém, com a artilharia deles, bastou-lhes uma vez para chegar à baliza e marcar. Mitroglou, aos 43 minutos, empatou o jogo. Não baixamos os braços e, na segunda parte, o nosso domínio continuou. Alan Ruiz, que rendeu o outro Ruiz, marcou um golo semelhante ao seu homónimo e deu-nos a vitória. Vitória importantíssima para levantar o astral da equipa. A partir daqui, acreditava que as coisas podiam mudar.

Para terminar o mês de outubro, recebemos o Rio Ave. Depois do chocolate que demos ao Benfica, já esperava um cabaz nos vila-condenses. Só que não. Voltamos a não jogar um chouriço e não conseguimos criar uma única oportunidade de golo, no primeiro tempo. A segunda parte continuou na mesma toada mas, aos 63 minutos, Rúben Semedo, na sequência de um livre, fez o único golo do encontro. Assim também dá. Neste jogo, Castaignos voltou à titularidade, já que Bas Dost continua sem conseguir marcar.



A vitória contra o Benfica fez a diferença entre uma equipa que podia estar no fosso e uma que está a dois pontos da liderança e com a confiança em alta. É evidente que há muito a melhorar e todos os jogos têm sido um sofrimento mas espero que as mudanças que fiz na equipa, a nível tático, surtam efeito daqui para a frente.


A qualificação para os oitavos-de-final da Liga dos Campeões parece estar comprometida. O objetivo principal passará pela conquista do terceiro lugar do grupo.

Esqueci-me de dizer, nas atualizações anteriores, que ando sem o Gelson, que partiu uma perna na pré-época.
avatar
Rafa
Moderador
Moderador

Masculino Número de Mensagens : 27385
Idade : 23
Localização : Viana do Castelo
Emprego/lazer : Stunned!
Data de inscrição : 28/12/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FM 2017] Quebrar o jejum v2

Mensagem por Dr. Eira em Ter Jan 03 2017, 19:09

Esperava uma derrota na Luz mas surpreendeste. Apesar dos desaires os rivais também continuam a escorregar, para já tudo tranquilo.

Seria importante teres o Dost a render e claro o Gelson de volta.
avatar
Dr. Eira
FPW Hall Of Famer
FPW Hall Of Famer

Masculino Número de Mensagens : 32650
Idade : 25
Localização : Barcelos
Emprego/lazer : Otaku
Data de inscrição : 23/12/2008

http://fpwrestling.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FM 2017] Quebrar o jejum v2

Mensagem por Rafa em Sex Jan 06 2017, 04:17


Novembro de 2016:


Se jogássemos tão bem em Zagreb como joguei em Alvalade, tinha a certeza que não voltava a perder pontos. A equipa entrou a matar e Castaignos fez o gosto ao pé, aos nove minutos. Os croatas viriam a empatar aos 24, mas estava visto que este jogo tinha de ser nosso. Estivemos sempre por cima e ainda conseguimos ir para o intervalo a vencer, com um golo de Bryan Ruiz. Na segunda parte, parecíamos o Barcelona e marcamos mais dois golos, por Rúben Semedo e Alan Ruiz. Vitória importante para conseguirmos o terceiro lugar do grupo. É só limpar o PSG e o Nápoles agora, que ainda vamos aos oitavos.

Para o jogo com o Moreirense, não pude contar com o Bryan Ruiz, lesionado. O nosso adversário estava a viver num excelente momento, estando em igualdade pontual connosco. Porém, o jogo foi tranquilo e, sem fazermos uma exibição deslumbrante, vencemos com algum conforto. Luc Castaignos bisou, com um golo em cada parte. A continuar assim, o Bas Dost pode esperar sentado, como o tem feito.

Depois deste jogo, Matheus Pereira, que estava a entrar num bom momento de forma, lesionou-se, algo que já tinha acontecido em Setembro. Voltei a contar apenas com Markovic e Joel Campbell para as alas.

O jogo com o Águeda, para a Taça de Portugal, era teoricamente acessível e, por isso, decidi colocar estrelas como Petrovic e Douglas no onze, para ver se ainda conseguia ajudar o Jesus a ganhar umas comissões quando os vender, para além das promoções à equipa A de Pedro Delgado e Elves Baldé. Numa equipa recheada de estrelas, Bas Dost foi a figura, ao ter marcado de penalty, aos 11 minutos e, mais tarde, aos 38. O bis do holandês foi motivo de volta olímpica do meu presidente, que gastou mais de 10 milhões num artista que ainda só marcou frente ao todo poderoso Recreativo de Águeda. Entre os dois golos de Bas Dost, ainda sofri um golo. A segunda parte foi uma miséria e o Águeda até acabou o jogo com mais posse de bola do que nós. Maravilha de exibição. Segue-se o Braguilha.

Contra o PSG, tal como em Paris, não houve grande história. Até entramos bem, com um remate de Alan Ruiz por cima, logo aos dois minutos, mas Lucas Moura marcou logo a seguir. Num jogo que já estava a ser controlado pelos parisienses, o Rúben Semedo decide, ao jeito dele, espetar uma pantufada no Cavani e ir para a rua, antes de acabar o primeiro tempo. Logo de seguida, Lucas Moura bisou e a segunda parte foi de controlo por parte dos avecs. Rui Patrício foi evitando o terceiro aqui e acolá. Estamos fora da Champions, ainda temos o terceiro lugar por carimbar.

Para acabar Novembro, fomos ao Restelo massacrar mas só no primeiro tempo. Markovic, aos 3 minutos, depois de cruzar para um falhanço de Joel Campbell, ainda foi a tempo de fazer a recarga e inaugurar o marcador. O placar prometia ser aumentado, estávamos a massacrar mas não conseguíamos concretizar as oportunidades. Fomos assim para o intervalo. Na segunda parte, baixamos um pouco o ritmo e trataram logo de nos tentar empurrar com a expulsão do Coates. Compramo-lo, em definitivo, durante a semana e o menino tratou logo de se sportinguizar. Com dez, não estávamos a conseguir controlar o jogo mas não há que ter vergonha de montar o autocarro contra pinos. Eles fizeram sete remates na segunda parte contra nenhum nosso mas eu é quee saí de lá com os três pontos. Fácil.




Dois jogos, duas vitórias e zero golos sofridos, para o campeonato. As exibições ainda estão longe de ser deslumbrantes mas enfrentamos uma equipa sensação do campeonato e um Belenenses, em inferioridade numérica, durante 30 minutos. Temos, ainda assim, de ampliar o número de golos marcados para o campeonato. 14 em 11 é pouco para uma equipa do nosso nível. O Porto, curiosamente, vai enfrentando o mesmo problema. Temos criado oportunidades mas colocá-la lá dentro está complicado. Continuamos a dois pontos dos corruptos. O Rio Ave e o Moreirense continuam a dar luta, nesta corrida ao título.


Na Liga dos Campeões, já encostamos, como seria de prever depois da fraca primeira volta. O terceiro lugar não deve fugir, tendo em conta que o Croácia Zagreb joga na casa dos ricalhaços mas, por via das dúvidas, convém sacarmos um pontinho em Itália.
avatar
Rafa
Moderador
Moderador

Masculino Número de Mensagens : 27385
Idade : 23
Localização : Viana do Castelo
Emprego/lazer : Stunned!
Data de inscrição : 28/12/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FM 2017] Quebrar o jejum v2

Mensagem por Dr. Eira em Sex Jan 06 2017, 10:28

Ainda não percebo o porquê de o Bas Dost não estar a render.

Vais imitar o Jesus e ficar fora das competições europeias.
avatar
Dr. Eira
FPW Hall Of Famer
FPW Hall Of Famer

Masculino Número de Mensagens : 32650
Idade : 25
Localização : Barcelos
Emprego/lazer : Otaku
Data de inscrição : 23/12/2008

http://fpwrestling.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FM 2017] Quebrar o jejum v2

Mensagem por Rafa em Sex Jan 06 2017, 16:06

A equipa já joga mais apoiada, já cria mais oportunidades de golo. O Castaignos é que tem correspondido e manteve a titularidade durante este mês. Acredito que o Bas Dost possa começar a render, a partir de agora, quando for chamado. Vamos ver.
avatar
Rafa
Moderador
Moderador

Masculino Número de Mensagens : 27385
Idade : 23
Localização : Viana do Castelo
Emprego/lazer : Stunned!
Data de inscrição : 28/12/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FM 2017] Quebrar o jejum v2

Mensagem por Rafa em Sab Jan 07 2017, 04:27


Dezembro de 2016 - Janeiro de 2017:


Quero ganhar as competições todas em que estou metido mas a Taça da Liga é, por todos os motivos e mais alguns, a última das minhas prioridades. Como tal, decidi rodar a equipa, usei quatro jogadores da equipa B e… perdi. O Freamunde foi mais forte e derrotou-nos por 1-0. No worries.

Contra o Vitória FC, tivemos de lidar com muitas ausências. Logo na defesa, Coates estava suspenso devido à expulsão contra o Belenenses e Rúben Semedo continuava lesionado. William também estava suspenso devido a acumulação de amarelos. Logo aos 14 minutos, Markovic também se lesionou e viemos a saber que vai ficar de fora dos relvados entre sete a oito meses. Terminarei o empréstimo, mal abra o mercado, já que este ano o menino já não vai explodir. O jogo foi de pouco interesse. Bruno Paulista, que substituiu William, com um remate à entrada, inaugurou o marcador, aos 26 minutos. Desde aí, o jogo foi frouxo e até algo dividido. Podíamos ter sofrido o empate perto do final mas São Patrício resolveu. Aos 90 minutos, um jogador do Vitória foi expulso mas nem por isso deixamos de queimar tempo. Mais três pontos. É o que interessa. O Porto perdeu em Tondela e ascendemos à liderança.

Estávamos praticamente garantidos na Liga Europa mas, não fosse o Croácia Zagreb fazer uma gracinha em Paris, lancei uma equipa forte para este jogo. O Nápoles, a jogar em casa, assumiu o jogo e marcou aos 39 minutos, por Gabbiadini. Bas Dost, que voltou à titularidade, empatou aos 41 minutos. Ao intervalo, o PSG já vencia o Zagreb confortavelmente mas, já que ali estava, queria vencer o jogo. A segunda parte foi mais equilibrada e a expulsão de Hysaj, a 10 minutos do final, deu-nos um novo alento para tentar a vitória. Não conseguimos. Fim da nossa participação na Champions. 5 pontos. Fraquinho. Agora, limpamos a Liga Europa, onde vamos enfrentar o Villarreal nos 1/16 avos.


Contra o Boavista, fomos, acima de tudo, eficazes. E borrados. Logo aos nove minutos, Mayke saca um cruzamento que, por acaso, foi ter à baliza e deu golo. Bom frango do Mickael Meira, a quem lhe disse que podia voltar ao Sporting, dois minutos antes deste golo. Coincidência. No segundo tempo, entramos outra vez a matar. Bruno Paulista, que voltou à titularidade depois do descanso da Champions, e ajudou Adrien e William a construir um meio-campo menos criativo do que uma porta, marcou, tal como aconteceu contra o Vitória, após cruzamento de Jefferson. Ao cair do pano, aos 89 minutos, Bas Dost, que desta vez não marcou, fez um passe magistral para Bryan Ruiz, que cruzou o campo e o costa-riquenho sentenciou o resultado.

Enfrentávamos os lampiões do norte para a Taça de Portugal e o jogo parecia ser canja quando, aos 11 minutos, o avançado sérvio deles (reparem como não me apetece ir confirmar como se escreve o nome dele) foi expulso. Porém, nós é que parecíamos estar a jogar com 10. Ou até com 9. O Braga estava por cima e acabou mesmo por marcar, no segundo tempo, por Hassan. Depois, ainda enviaram uma bola à barra. Apenas quando coloquei Castaignos e passei a jogar com dois avançados é que passamos para cima do encontro e Bryan Ruiz, aos 80 minutos, empatou a partida com um excelente golo. Fomos a prolongamento e aí foi tudo nosso. Paulo Oliveira fez o golo que nos colocou na frente e Castaignos, após assistência de Bas Dost, sentenciou o encontro. Jogo ridículo e o William nem sequer foi para o Urban depois de ter sido obrigado a correr durante 120 minutos.

Na Choupana, fizemos uma exibição modesta. Estivemos sempre por cima e o Nacional nem um remate fez à baliza mas, na verdade, nós rematamos muito mas nem uma oportunidade de golos conseguimos criar. 0-0 foi, invariavelmente, o resultado final. Posto isto, perdemos a liderança.

Acabamos o ano a jogar para a Taça da Liga, frente ao Braga. Coloquei a carne toda no assador mas empatamos a zero e fomos eliminados. Assim sendo, iniciamos o ano contra o Famalicão com uma mescla de jogadores da equipa B e os menos utilizados da equipa A. Mais um empate a zero. De positivo, nestes dois jogos, apenas o regresso de Gelson. É favor colocarem duas bolas em campo agora.




Depois de termos andado pelo primeiro lugar, voltamos para segundo uma jornada depois. Criar oportunidades de golo é mentira e a nossa fraca produção ofensiva já me anda a chatear. Mas vou ser campeão.
avatar
Rafa
Moderador
Moderador

Masculino Número de Mensagens : 27385
Idade : 23
Localização : Viana do Castelo
Emprego/lazer : Stunned!
Data de inscrição : 28/12/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FM 2017] Quebrar o jejum v2

Mensagem por Dr. Eira em Sab Jan 07 2017, 22:35

Uma importante vitória frente ao Braga para continuar na taça de portugal.

Esses três empates a 0, já pareces o Porto do NES.
avatar
Dr. Eira
FPW Hall Of Famer
FPW Hall Of Famer

Masculino Número de Mensagens : 32650
Idade : 25
Localização : Barcelos
Emprego/lazer : Otaku
Data de inscrição : 23/12/2008

http://fpwrestling.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FM 2017] Quebrar o jejum v2

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 13 Anterior  1, 2, 3, ... 11, 12, 13  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum