FPW: Fórum de Pro Wrestling



O FPW, Fórum de Pro Wrestling, é uma comunidade com mais de oito anos constituída por centenas de users cujo o assunto que os liga é o wrestling! Temos os últimos shows, PPV's, passatempos, debates, votações, e ainda uma vasta zona multimédia. Para teres acesso a tudo isto, só necessitas de te registar! Junta-te a nós.

Dream Card Company – It's Still Real To Me Dammit!

Página 2 de 3 Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Dream Card Company – It's Still Real To Me Dammit!

Mensagem por Vaginite em Qui Ago 31 2017, 00:28

Gostei de como conseguiste criar uma backstory do primeiro show, para a segunda edição da DCC. Especialmente essa será muito pela tua mão, porque tenho uma paragem importante antes de lá chegar.

Estou interessado em ver o que fazes, dado que ainda não temos títulos nem nada que se pareça, portanto será mesmo um combate pela dignidade e respeito, como vendeste na entrevista do WALTER. Admito que não conheço o europeu, por isso é da maneira que me vendes o gajo, e se te focares noutra rivalidade para a frente até pego nele.

Para já está bem vendida a ideia do respeito, e estou curioso mesmo. A estrela da AJPW contra um gajo em crescimento e com muito a provar, dado que na sua stable todos o já fizeram.

Good one! <3
avatar
Vaginite
Campeão Nacional da APW

Masculino Número de Mensagens : 211
Idade : 23
Localização : Porto
Emprego/lazer : Estudante
Data de inscrição : 11/07/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Dream Card Company – It's Still Real To Me Dammit!

Mensagem por Mithrandir em Qui Ago 31 2017, 00:40

Vaginite escreveu:Gostei de como conseguiste criar uma backstory do primeiro show, para a segunda edição da DCC. Especialmente essa será muito pela tua mão, porque tenho uma paragem importante antes de lá chegar.

Estou interessado em ver o que fazes, dado que ainda não temos títulos nem nada que se pareça, portanto será mesmo um combate pela dignidade e respeito, como vendeste na entrevista do WALTER. Admito que não conheço o europeu, por isso é da maneira que me vendes o gajo, e se te focares noutra rivalidade para a frente até pego nele.

Para já está bem vendida a ideia do respeito, e estou curioso mesmo. A estrela da AJPW contra um gajo em crescimento e com muito a provar, dado que na sua stable todos o já fizeram.

Good one! <3

Tudo bem, sem problema, trata só de dizer em que cidade dos USA queres fazer o segundo show. ( se calhar nem querias fazer em nos EUA e eu acabei por lixar isso).
avatar
Mithrandir
Japanese Legend

Masculino Número de Mensagens : 17299
Idade : 92
Localização : Mordor
Emprego/lazer : Hater
Data de inscrição : 27/12/2013

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Dream Card Company – It's Still Real To Me Dammit!

Mensagem por Vaginite em Qui Ago 31 2017, 01:24

Mithrandir escreveu:
Vaginite escreveu:Gostei de como conseguiste criar uma backstory do primeiro show, para a segunda edição da DCC. Especialmente essa será muito pela tua mão, porque tenho uma paragem importante antes de lá chegar.

Estou interessado em ver o que fazes, dado que ainda não temos títulos nem nada que se pareça, portanto será mesmo um combate pela dignidade e respeito, como vendeste na entrevista do WALTER. Admito que não conheço o europeu, por isso é da maneira que me vendes o gajo, e se te focares noutra rivalidade para a frente até pego nele.

Para já está bem vendida a ideia do respeito, e estou curioso mesmo. A estrela da AJPW contra um gajo em crescimento e com muito a provar, dado que na sua stable todos o já fizeram.

Good one! <3

Tudo bem, sem problema, trata só de dizer em que cidade dos USA queres fazer o segundo show. ( se calhar nem querias fazer em nos EUA e eu acabei por lixar isso).

É igual. Um gajo adapta-se. Escolhe onde quiseres. É o Mark Cuban a mandar nesta merd*. Dinheiro não falta
avatar
Vaginite
Campeão Nacional da APW

Masculino Número de Mensagens : 211
Idade : 23
Localização : Porto
Emprego/lazer : Estudante
Data de inscrição : 11/07/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Dream Card Company – It's Still Real To Me Dammit!

Mensagem por Vaginite em Sex Set 01 2017, 03:54

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

SATOSHI KOJIMA PROIBIDO DE ENTRAR
NOS ESTADOS UNIDOS DURANTE 6 MESES

A estreia da Dream Card Company causou alguns problemas mediáticos relativamente ao rasgar da bandeira americana no evento principal da sua estreia. Satoshi Kojima derrotou Jake Hagger, e no decorrer do combate, lacerou o símbolo norte-americano como forma de jogo psicológico para distrair o seu oponente. A lei norte-americana expressa que tal acto é crime punível com cadeia, mas a equipa de advogados da empresa conseguiu um acordo com a procuradoria de Oklahoma, dado se tratar de um momento de entretenimento como tantos outros na televisão.

Jake Hagger falou directamente para a TMZ sobre o assunto:

«Eu entendo as palavras de entretenimento proferidas por Mark Cuban, mas eu sempre fui patriota e não estava ciente nem certamente estaria de acordo com a decisão. Mais do que chateado com a empresa, estou horrorizado pela rápida aceitação da ideia por parte de Kojima. Uma lenda viva da nossa arte não deveria utilizar truques tão baixos para garantir uma vitória e mais um cheque.»

Relativamente à suspensão e ao futuro, o "All American American" deixou em aberto um segundo confronto com Satoshi Kojima:

«Se Maomé não vem à montanha. A montanha vai a Maomé.»

Não é desconhecida a parceria que a DCC tem com as promotoras japonesas de wrestling profissional. Em primeiro a New Japan que procura todos os meios para entrar no mercado norte-americano, e recentemente com a AJPW graças ao embate entre WALTER e Kento Miyahara na sua segunda edição já em Outubro. As duas empresas japonesas não se importam de dividir os holofotes, aceitando que o acordo beneficiaria acima de tudo o produto nipónico.

Satoshi Kojima pronunciou-se no Twitter com um ditado japonês:
@KojimaSatoshi: 虎穴に入らずんば虎子を得ず。
If you do not enter the tiger's cave, you will not catch its cub.
avatar
Vaginite
Campeão Nacional da APW

Masculino Número de Mensagens : 211
Idade : 23
Localização : Porto
Emprego/lazer : Estudante
Data de inscrição : 11/07/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Dream Card Company – It's Still Real To Me Dammit!

Mensagem por Vaginite em Sab Set 02 2017, 04:17

New Japan Pro-Wrestling Presents:

KINGS OF PRO-WRESTLING 2017




[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

O panorama do wrestling japonês sofreu uma sísmica mudança quando Satoshi Kojima derrotou Kenny Omega pelo IWGP United States Championship após o mediático acontecimento na estreia da Dream Card Company. O banimento do Cozy dos Estados Unidos da América causa um grande problema para o título, que se se mantiver na sua pose, não será defendido no país que representa durante seis meses.

O embate entre Omega e Kojima foi anunciado alguns dias depois da decisão ter chegado a público,
com Kojima a utilizar o seu estatuto para forçar o campeão a defender. Kenny Omega não conseguiu aguentar um quarto de hora com o seu título, quando foi apanhado de surpresa pela traição dos seus companheiros da ELITE, os Young Bucks. Matt e Nick Jackson atacaram Cody quando o mesmo apoiava na lateral do ringue o seu companheiro de stable. Omega ficou perplexo e sem compreender o ataque, o que o deixou vulnerável a um LARIAT na nuca e à consequente vitória de Satoshi Kojima.

Na conferência de imprensa o japonês estava todo sorridente com o seu novo título pousado na mesa quando foi interrompido pela chegada de Jake Hagger.

O "All American American" e rival de Kojima na DCC cumpriu a sua promessa de o encontrar e fazê-lo pagar pelas suas acções. Acompanhado por segurança do evento, Hagger lançou o desafio a Satoshi Kojima para defender o IWGP United States Championship contra ele no Wrestle Kingdom XII.

Satoshi Kojima, confiante perante a sua terra-natal aceitou: «I'll show my people what I do to americans!»

******

Em relação ao segundo evento da Dream Card Company que acontecerá uma semana após o Kings of Pro-Wrestling foi anunciado por Tommy Dreamer no seu Twitter oficial que Jake Hagger iria estar em acção contra Shelton Benjamin:

DCC #2 - 15 DE OUTUBRO DE 2017
Main Event: WALTER v. Kento Miyahara
Singles Match: Jake Hagger vs. Shelton Benjamin


Última edição por Vaginite em Dom Set 03 2017, 05:19, editado 1 vez(es)
avatar
Vaginite
Campeão Nacional da APW

Masculino Número de Mensagens : 211
Idade : 23
Localização : Porto
Emprego/lazer : Estudante
Data de inscrição : 11/07/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Dream Card Company – It's Still Real To Me Dammit!

Mensagem por Vaginite em Dom Set 03 2017, 02:12

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

SHELTON BENJAMIN RESPEITA JAKE HAGGER
E DESEJA-LHE SORTE PARA O WRESTLE KINGDOM XII

A estreia da Dream Card Company tem sido um dos tópicos favoritos de discussão por parte dos fãs de wrestling. No squaredcircle/r, na plataforma Reddit, foi criado um tópico para discussão geral do segundo evento onde muitos comparam Jake Hagger a Shelton Benjamin, principalmente agradados com o facto de ambos serem mestres do wrestling amador. Tommy Dreamer atento a estas conversações organizou um AMA (Ask Me Anything) com Shelton Benjamin.

O "Gold Standard" do wrestling profissional falou abertamente sobre o acontecimento com Satoshi Kojima e o que o seu combate com Jake Hagger poderá significar para a sua carreira:

«Esperava mais do Kojima. Já o enfrentei e sei o quão duro ele é naquele ringue, portanto não necessitava de um truque tão baixo para mais uma vitória»

«Jake Hagger é um antigo Campeão Mundial da WWE, algo que eu nunca fui. É um atleta nato e um amigo, e espero que consiga derrotá-lo apesar de saber que vem extra-motivado.»

«O meu plano de jogo não é segredo - vou tentar cansá-lo e utilizar a sua própria força contra ele mesmo. Esta vitória poderá significar muito na minha carreira dentro da DCC.»

«Falei com Mark Cuban uma vez ao telefone. Ele tem boas ideias. Fiquem à espera de mais novidades, porque uma promoção sem um título e um campeão é uma raridade. Espero que o Jake possa trazer o Título dos Estados Unidos da IWGP para cá. Adoraria uma oportunidade.»
avatar
Vaginite
Campeão Nacional da APW

Masculino Número de Mensagens : 211
Idade : 23
Localização : Porto
Emprego/lazer : Estudante
Data de inscrição : 11/07/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Dream Card Company – It's Still Real To Me Dammit!

Mensagem por Vaginite em Dom Set 03 2017, 04:37

Dream Card Company Presents:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

JAKE HAGGER VS. SHELTON BENJAMIN


O público estava ruidoso para o segundo evento da Dream Card Company, desta feita em Minneapolis, Minnesota com Jake Hagger e Shelton Benjamin a serem recebidos com vários aplausos. As duas antigas estrelas da WWE demonstraram grande respeito um pelo outro no seu frente a frente dando um cumprimento antes do combate.

Shelton Benjamin manteve-se afastado do "All American American" durante o inicio do combate, aproveitando para avançar para a troca de murros onde a sua altura lhe dava alguma vantagem. Quando Jake Hagger tentou avançar para o double leg takedown, Benjamin mostrou que não era favas contadas ao saltar por cima do oponente, enrolando-o para uma posição de contagem. Hagger evidentemente conseguiu levantar os ombros, mas não deixou de ficar surpreendido pela estratégia imposta por Benjamin.

O erro crasso do "Gold Standard" foi desvalorizar a tenacidade de Jake Hagger, que eventualmente o conseguiu prender para um primeiro german suplex. Benjamin ficou abalado com o choque no tapete e mudou para uma estratégia mais highflyer, utilizando as suas longas pernas como arma, com uma bela joelhada em pleno ar a tirar os sentidos a Hagger momentaneamente.

Ao final de vinte minutos onde o impeto mudou constantemente, com ambos os oponentes a parecer conhecer bem o outro, eis que Shelton Benjamin viu uma reversão se tornar o seu final.

Shelton avançou para múltiplas cotoveladas em corrida (com extra-força dada pelas cordas) no esterno, e quando Hagger parecia estar sem vento, tentou aplicar o seu golpe final – "Paydirt" – mas Hagger, segurou-o e lançou-o para os seus ombros para aplicar o "Swagger Bomb" e assim vencer o combate.

Após o combate o "All American American" sorria vitorioso e ofereceu um cumprimento a Shelton Benjamin que aceitou e levantou ainda o braço do seu oponente. Um fã lançaria para o ringue uma bandeira dos Estados Unidos e os dois fechavam o segmento segurando um em cada lado a bandeira do seu país com Shelton Benjamin a oferecer desejos de boa sorte ao oponente para a sua luta no Wrestle Kingdom XII contra Satoshi Kojima.
avatar
Vaginite
Campeão Nacional da APW

Masculino Número de Mensagens : 211
Idade : 23
Localização : Porto
Emprego/lazer : Estudante
Data de inscrição : 11/07/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Dream Card Company – It's Still Real To Me Dammit!

Mensagem por Mithrandir em Dom Set 03 2017, 04:54

Desenvolvimentos a partir do rasgar da bandeira foram bem interessantes, mas pouco realistas não só devido ao crime de Kojima, mas também na parte da NJPW - visto que a fed não abdicaria do reinado de um dos gajos mais over da companhia, para desenvolver uma feud numa companhia recente. Tendo em conta o booking da NJPW, a própria traição dos Bucks foi algo um pouco estranho - mas suponho que isso leve a algo.

Não esperava que WALTER vs. Miyahara fosse ME, ty.

Swagger vs. Shelton foi cool, sem ser extraordinário - mas pós-combate foi muito giro.
avatar
Mithrandir
Japanese Legend

Masculino Número de Mensagens : 17299
Idade : 92
Localização : Mordor
Emprego/lazer : Hater
Data de inscrição : 27/12/2013

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Dream Card Company – It's Still Real To Me Dammit!

Mensagem por Vaginite em Dom Set 03 2017, 05:31

O crime do Kojima é de facto algo grave, mas já aconteceu em cenas de entretenimento por isso ele não está mesmo banido do país. É kayfabe, com um senso de realidade. E envolver a TMZ, imagina que foi native advertising pago pelo Mark Cuban para promover o evento.

Quanto à New Japan, é justo, não aconteceria provavelmente a troca de título, por isso tive de criar algo mais interessante que era o break up dos Bullet Club. No WK 12 está marcado um Cody & Kenny Omega vs. The Young Bucks, o objectivo é teres o Kenny e o Cody que não confiam propriamente um no outro, e os Bucks que fizeram o swerve que ninguém esperava. Depois disso, o Kenny pode enfrentar o Okada, desta vez sozinho e ter o 4º match e ganhar o World Title, enquanto que a New Japan confia na história patrocinada pelo Cuban para ganhar olhos ao título norte-americano.

Mas é giro inventar estas histórias e vender como algo real, porque parece muito aquilo que a própria New Japan faz. Até este dia, eu não sei mesmo, se o Shibata está realmente todo fodido ou se é algo kayfabe. 90% diz que é real, mas há 10% que nao sei. O gajo parecia alright e curiosamente se regressar vai ser o fdp mais over do roster.
avatar
Vaginite
Campeão Nacional da APW

Masculino Número de Mensagens : 211
Idade : 23
Localização : Porto
Emprego/lazer : Estudante
Data de inscrição : 11/07/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Dream Card Company – It's Still Real To Me Dammit!

Mensagem por Mithrandir em Ter Set 05 2017, 17:00

Dream Card Company Presents:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

WALTER w/Timothy Thatcher[Ringkampf] vs. Kento Miyahara w/Jun Akiyama




Quer WALTER, quer Miyahara trouxeram companhia pesada - mas bem cedo se percebeu que nem Thatcher nem Akiyama tinham qualquer intenção em manipular  o desfecho do combate. Muito pelo contrário, percebeu-se que existia respeito mutuo entre os quatro atletas e até uma certa admiração por Akiyama da parte de Thatcher e WALTER.
A lenda japonesa e  antigo EVOLVE Champion estavam ali apenas para dar apoio moral e ajudar os seus companheiros com as suas estratégias.

O combate começou com uma troca de olhares intensa bem no centro do ringue, que reforçou a vantagem física de WALTER e o quão intimidante consegue ser o austríaco. E os momentos seguintes deram seguimento a essa imagem do lutador dos Ringkampf, pois Kento Miyahara não conseguia lidar com a força do europeu acabando por ser várias vezes atirado ao tapete ou encostado ao canto. Quando não estava a cair, Miyahara era dominado pela técnica surpreendente de WALTER.
Ainda assim, as várias tentativas de pinfall sugeriam que Kento seria duro de roer e não perderia facilmente.

Cansado de ser dominado pela força e técnica de WALTER, Miyahara decidiu disparar com uma série de forearms em cheio na cara de WALTER - o que acabou por revelar ter sido um erro, pois WALTER acabou com responder com um dos seus golpes mais simples, mas com um tremendo poder de destruição: as suas chops. Tal como no match anterior, WALTER parecia invencível - especialmente quando demonstrou a facilidade com que executava German Suplexes, Butterfly Suplexes e Gutwrench Suplexes. WALTER demonstrava no ringue, aquilo que prometera anteriormente - que daria o seu máximo e iria vencer, mas quando se preparava para terminar o combate com a sua Powerbomb, foi surpreendido com a força de vontade de Kento. O Triple Crown Heavyweight Champion conseguira não só impedir o golpe, como usar o momentum de WALTER contra ele mesmo - tirando o máximo de efeito possível do seu improvisado Blackout.  

O jovem campeão tentou um German Suplex em WALTER; mas percebeu que não iria a lado nenhum tão facilmente mesmo com o austríaco atordoado. Atirou-o ao canto, e seguiu-se uma Running Corner High Knee. O japonês foi ganancioso, procurando tirar partido desta fase - tentando uma novamente um Running Corner High Knee. Deu-se mal, WALTER desviou-se e o joelho do japonês acabou por chocar com o canto.


Obviamente que WALTER tirou partido disso, quer usando várias submissões que abrandaram Miyahara quer atirando várias vezes a perna do seu oponente ao tapete ou simplesmente com pisadelas. WALTER procurava agora terminar o combate com o seu Ankle Lock, mas Miyahara conseguia mais uma vez resistir , chegando às cordas - mas era claro que a sua perna não estava a 100%. WALTER anunciava novamente a sua powerbomb, e mais uma vez caia no Blackout de Miyahara. Mas notou-se que este teve bem menos impacto que o primeiro, devido à lesão no joelho. Mais uma vez, Miyahara tentou o Shutdown German Suplex Hold mas teve ainda mais dificuldades. Optou por sacrificar ainda mais a perna - massacrando WALTER com múltiplas joelhadas.  Mas mesmo quando WALTER parecia estar KO - este desafiou Miyahara a fazer melhor. O japonês correu o melhor que conseguiu para entregar um poderoso Blackout na nuca de WALTER. WALTER escapou à contagem ao um.

WALTER mostrava-se igualmente resistente, mas era um gigante a cambalear e Miyahara mais uma vez tentou o Shutdown German Suplex  - e surpreendentemente, foi bem sucedido. Infelizmente, a sua perna impediu-o de manter a ponte, parando a assim a ponte. O jovem japonês tentou recuperar o mais depressa, anunciando de seguida um novo Blackout - mas quando corria em direcção ao crânio de WALTER, foi surpreendido por uma impiedosa Lariat do mesmo. Seguiu-se uma Powerbomb, mas mesmo assim os braços de WALTER prenderam o pescoço de um Miyahara quase inconsciente. O arbitro decidiu parar o monstruoso Headlock de WALTER e atribuir-lhe a vitória após quase 30 minutos de guerra.




[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Após o combate, WALTER permanecia invicto na DCC - mas aproveitou também para agradecer a presença dos fãs, a oportunidade que lhe foi dada de estar mais uma vez num Main Event nos Estados Unidos da América e agradeceu a Miyahara pela dura batalha, enquanto o japonês era carregado por Akiyama e Thatcher.

Quando o austríaco preparava-se para abandonar o ringue, Low Ki - que venceu facilmente o seu oponente, aproveitou para vir até ao ringue dar os parabéns ao vencedor e à DCC. Mas o primeiro ROH World Champion quer também desafiar WALTER para um combate no próximo show da DCC e promete terminar com a invencibilidade do europeu. WALTER aceita e aperta a mão a Low Ki, desejando-lhe boa sorte. Contudo Low Ki tinha outras intenções, surpreendendo WALTER com vários pontapés e com um Diving Double Foot Stomp .

O antigo ROH World Champion acabou mesmo por ser entrevistado mais tarde. Low Ki, confessou ter tido um combate fácil e previsível, mas não vê o motivo para estar na primeira metade do card. Segundo o próprio, o seu nome é grande o suficiente para estar sempre no Main Event.

Low Ki chegou mesmo a ser acusado de ser alguém egocêntrico, que procura estar constantemente no topo - mesmo que isso signifique prejudicar outros, como já aconteceu com Kevin Steen, Claudio Castagnoli e agora com WALTER na DCC. O World Warrior negou tudo, e disse que aquilo que fez hoje serviu apenas para ensinar uma lição de humildade ao WALTER e evitar ilusões de grandeza. Low Ki chegou mesmo a dizer que o próprio WALTER devia-lhe agradecer.

Por fim, Low Ki despede-se desafiando Conor McGregor e Brock Lesnar para um combate, mas sabe que nenhum deles irá aceitar pois não seriam capazes de durar 10 segundos com ele.
avatar
Mithrandir
Japanese Legend

Masculino Número de Mensagens : 17299
Idade : 92
Localização : Mordor
Emprego/lazer : Hater
Data de inscrição : 27/12/2013

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Dream Card Company – It's Still Real To Me Dammit!

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 3 Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum